5 tendências de marketing digital para PMEs

Tempo de leitura: 6 minutos

O cenário comercial atual exige que mesmo pequenas e médias empresas invistam em novas alternativas para atrair e consolidar novos clientes. As estratégias de marketing digital para PMEs devem seguir as tendências do mercado, mas sem perder de vista o orçamento disponível.

São diversas as estratégias de marketing que podem ser adotadas com um investimento reduzido e a integração de diferentes soluções permite que a empresa atenda com qualidade os leads que recebe nos diferentes canais.

Quais as principais tendências de marketing digital para PMEs?

Selecionamos cinco tendências de marketing digital para PMEs que podem ser adequadas ao orçamento da empresa e garantir a maior satisfação dos clientes, além de atração de novos clientes e aumento das vendas. Veja a seguir:

1. Inbound Marketing

O Inbound Marketing consiste em uma estratégia de marketing na qual o objetivo é ser encontrado pelo cliente que têm interesse em algo que a marca tem a oferecer.

Diferentemente do marketing tradicional, que pressupõe que a empresa encontre o cliente, no Inbound é o cliente que encontra a empresa, por meio de uma presença online relevante.

Como o Inbound Marketing faz parte de uma metodologia, são diversas as técnicas empregadas para dar suporte à solução, como:

Marketing de conteúdo

Com conteúdos de qualidade publicados em um blog, a marca consegue atrair usuários que estão pesquisando sobre uma solução. Os materiais devem ser educativos visando ajudar o potencial cliente e iniciar um relacionamento. Podem ser criados também vídeos, imagens, e-books, estudos de caso etc.

E-mail Marketing

Após o visitante converter em lead, a empresa passa a ter o contato de e-mail e deve usar essa informação para fazer contatos relevantes com o lead e levá-lo adiante na jornada de compra, mas também informá-lo e oferecer conteúdos e promoções adequadas ao perfil.

Mídias sociais

A presença nas mídias sociais é fundamental para que o lead e os clientes possam se relacionar com a marca de uma forma mais simples e fácil, além de serem impactados positivamente pelo que a empresa tem a oferecer e dizer.

SEO

A estratégia de SEO deve ser executada em conjunto com o Inbound Marketing para que possa auxiliar no bom posicionamento do site nos mecanismos de busca, aumentando o tráfego para o site e as oportunidades de conversão.

A estratégia de Inbound Marketing pode se adequar a diferentes orçamentos, tornando-se uma solução eficiente para PMEs que querem inserir-se no meio digital aos poucos.

2. Marketing de relacionamento

Uma vantagem das pequenas e médias empresas em comparação com as grandes é a capacidade de oferecer soluções mais personalizadas para os clientes e tratá-los com mais exclusividade.

O marketing de relacionamento permite tanto atrair novos clientes por meio de contatos mais transparentes e relevantes, como também a fidelização de clientes, o que viabiliza manter um escopo fiel de consumidores.

Uma das opções para realizar o marketing de relacionamento são os programas de fidelidade, que apresentam baixas custos para serem planejados e executando, garantindo que empresa e clientes tenham benefícios nessa relação.

Enquanto o cliente dá preferência para comprar na empresa, em contrapartida recebe facilidades e vantagens para as compras que realiza. Entretanto, essa estratégia também implica em manter um atendimento pró-ativo, que visa ajudar o cliente antes mesmo que ele tenha uma dúvida ou problema com a marca.

3. Realidade virtual

Outra tendência no mercado é a realidade virtual, seja em games, por exemplo, ou como estratégia para atendimento e relacionamento com o cliente. Algumas soluções em realidade virtual podem parecer excessivamente custosas para PMEs, entretanto, é possível encontrar um meio termo mais acessível.

O tour virtual nos espaços da empresa, loja, restaurante etc. tornou-se uma opção que oferece uma experiência de realidade virtual para o potencial cliente, que pode conhecer os espaços internos da empresa antes mesmo de visitá-la, sem, entretanto, sair do orçamento das PMEs.

O tour virtual consiste em sequências de fotos de alta qualidade, tiradas profissionalmente, que fica disponível já no mecanismo de busca, com informações complementares sobre o negócio. O serviço é um diferencial para empresas de diferentes segmentos, sendo relevante, principalmente, para a atração de novos consumidores.

4. Mobile

Muitas empresas têm a impressão de que o mobile era uma tendência nos anos anteriores, entretanto, a atenção aos dispositivos móveis deve continuar e intensificar-se. O site responsivo já é, desde 2015, uma exigência do Google para posicionamento das buscas, mas não é apenas isso.

No mobile, as pequenas e médias empresas têm diversas oportunidades, como desenvolver aplicativos próprios — para programas de fidelidade, facilitar o atendimento etc. — mas também para se beneficiar de outras soluções.

Empresas de alimentação, por exemplo, podem se cadastrar em aplicativos que ajudam os usuários a encontrarem um local para refeição. Existem soluções semelhantes para diversos outros segmentos.

5. SAC 2.0

O SAC 2.0 se caracteriza por ser uma solução pró-ativa de atendimento. Em vez de esperar as reclamações chegarem até a empresa, a marca possui uma presença ativa nos meios digitais, monitorando o que é dito sobre ela e posicionando-se.

O principal canal para desenvolver esse tipo de monitoramento e atendimento são as mídias sociais, mas também é possível monitorar fóruns relacionados ao segmento de atuação, por exemplo.

O SAC 2.0 está mais preocupado com a prevenção de problemas, evitando desgaste da marca antes mesmo que ele aconteça. O SAC 2.0 deve ser, como as demais estratégias de marketing digital para PMEs, planejado e otimizado, adotando a linguagem da marca e um relacionamento saudável com os clientes.

Também é possível realizar pesquisas de satisfação e convidar os clientes a opinar sobre a marca, produtos e atendimento, indicando o que pode ser melhorado no relacionamento com os consumidores.

Marketing digital adequado à PME

A internet está cheia de oportunidades de atração de clientes para pequenas e médias empresas e pode ser considerada um ambiente no qual a concorrência é mais dinâmica, pois é possível impactar clientes até com mais assertividade do que as grandes empresas. O fundamental é aproveitar as oportunidades.

Ao iniciar uma estratégia de marketing digital para PMEs é possível começar pelas soluções que exigem um orçamento mais acessível e assim intensificar a presença online aos poucos até executar todas as alternativas mais relevantes.

Ter um bom posicionamento online será fundamental para consolidar a marca e impactar positivamente os visitantes e clientes. Confira nosso post com 9 dicas para posicionar a sua marca na internet e não perca tempo!

Deixe uma resposta