Marketing imobiliário: como boas fotos ajudam a vender mais imóveis?

Tempo de leitura: 6 minutos

Quarenta e quatro por cento das pessoas que procuram por um imóvel começam a busca online, enquanto apenas 17% procuram diretamente um corretor. Os dados são de um levantamento realizado pela Realtor.org, que também mostrou que 89% das pessoas consideram os sites uma grande ajuda na procura, enquanto 79% consideram os corretores.

O consumidor mudou, e não poderia ser diferente com quem procura por um imóvel para comprar ou alugar. Hoje, a internet faz parte do processo de escolha da maioria das pessoas, e é indispensável que as imobiliárias acompanhem essa tendência.

Porém, não basta apenas estar na web: a empresa precisa investir em uma boa estratégia de marketing digital para garantir resultados. E é aqui que entram cuidados como construir um site com boa usabilidade, estar presente nas redes sociais preferidas dos clientes e — nosso assunto de hoje — investir em boas fotos para vender mais imóveis.

O poder das imagens

A aquisição ou aluguel de um imóvel são decisões grandes, que demandam investimento alto de recursos e geralmente são tomadas em momentos importantes — a mudança de cidade, um casamento ou divórcio, entre outros. É por isso que as fotos são tão importantes.

Como o cliente não estará presente, ele precisa de imagens que proporcionem uma ideia clara de como é o local. Quanto mais ele sentir que conhece o imóvel, mais seguro e mais próximo da decisão de fechar negócio com sua empresa ele estará.

A mesma pesquisa da Realtor.org mostrou que, entre aqueles que buscaram imóveis online, 89% consideraram as fotos muito úteis na escolha, e 85% consideraram que as descrições detalhadas são importantes na decisão. Os clientes esperam encontrar esse conteúdo e confiam nele; cabe à sua empresa disponibilizar a eles todas as informações de que necessitam.

Oferecer esse conteúdo completo também é vantajoso para o seu negócio. Os clientes que pesquisarem e encontrarem opções na internet chegarão até você com mais certeza em relação à escolha e já com opções adequadas ao que desejam.

Isso facilita o seu trabalho e também reduz custos de visitas, já que elas serão melhor direcionadas. O tempo de atendimento que seu corretor precisará dedicar a cada cliente também reduzirá consideravelmente.

Como usar as imagens para vender imóveis

A internet é prática, permite que as pessoas, de casa, visitem centenas de imóveis em uma única pesquisa. Porém, nela, obviamente não há o contato direto com os produtos — seu cliente não pode caminhar pelos imóveis, ver a vista, o tamanho dos quartos, entre outros atributos percebidos em uma visita.

Por isso, os consumidores contam com as informações que a imobiliária oferece no site. E o nível de segurança que eles sentirão em relação ao imóvel está diretamente ligado à quantidade e qualidade das informações disponíveis.

A boa notícia é que as imagens que farão a diferença em seu negócio não são difíceis de conseguir. Aqui, listamos alguns cuidados que você deve tomar antes de colocá-las em seu site. Confira!

1. Veja a previsão do tempo

Isso mesmo. Dias escuros não rendem boas fotos. Além da falta de iluminação, a sensação de ver uma paisagem chuvosa e nublada não é das melhores. Por isso, se possível, marque a sessão de fotografias em um dia ensolarado, principalmente se estiverem previstas fotos de áreas externas, como parques, bosques, piscinas, entre outras.

2. Arrume a casa

Quanto mais agradáveis parecerem os ambientes, mais atraentes para seus clientes. Por isso, nunca use fotos de casas bagunçadas, sujas, com imóveis velhos ou quebrados. Arrume o máximo possível o ambiente.

Se for um imóvel novo, limpe a sujeira da obra e tire os materiais da construção do cenário. Se for um imóvel mobiliado, procure deixar tudo organizado. Se possível, aproveite a decoração do local de forma positiva. Os clientes devem ter vontade de morar lá!

3. Considere contratar profissionais

Fotógrafos profissionais, especialmente os que prestam serviços para imobiliárias, garantirão não apenas fotos tecnicamente perfeitas, com boa iluminação, resolução, entre outros atributos; eles também saberão encontrar os melhores ângulos e trabalharão as imagens para que de fato vendam o imóvel. É um investimento que certamente vale a pena.

4. Cuide da iluminação

Fotos escuras passam a impressão de um ambiente pequeno, úmido e desconfortável. Como dissemos anteriormente, as pessoas precisam ter vontade de morar no imóvel que você está vendendo ou alugando.

Por isso, muito cuidado com a iluminação dentro do imóvel. Em dias claros, pode ser necessário iluminar artificialmente o local para equilibrar as luzes interna e externa.

5. Escolha os melhores ângulos

Alguns ângulos fazem o imóvel parecer menor, outros não mostram tudo que o cliente gostaria de ver. Atenção ao ângulo das fotos. Elas precisam mostrar os ambientes por completo, proporcionando uma boa ideia de seu tamanho e do que há neles.

Fotos tiradas dos cantos das salas são boas opções.

6. Tenha imagens em 360º

As imagens em 360º são uma excelente forma de mostrar o ambiente aos seus consumidores. Com elas, eles podem interagir com o imóvel como em uma visita, explorando seus detalhes, o espaço e estrutura.

As imagens em 360º também proporcionam uma ideia muito mais clara de como é o imóvel, uma vez que permitem que o cliente veja seus cômodos de todos os ângulos e não em fotos separadas.

7. Use a emoção a seu favor

Como dissemos, a compra ou aluguel de um imóvel são momentos importantes na vida das pessoas — e imagens não valem apenas por mil palavras; elas valem por milhões. Nas fotos, é interessante dedicar-se mais do que apenas nos retratos de um ambiente. Se você puder trabalhar também a emoção e cativar os seus consumidores por meio dela, terá imagens muito mais poderosas.

Aqui entra o que mencionamos acima: os clientes precisam se enxergar morando no local. As fotos precisam passar sensações de tranquilidade, segurança, conforto e aconchego — tudo o que se espera de um lar.

As imagens podem ser um grande diferencial da sua empresa. Lembre-se de que seus imóveis estão competindo com centenas de outros na mesma cidade, e aqueles que passarem mais segurança para os consumidores terão sua atenção.

Capriche! Disponibilize mais do que fotos; ofereça uma experiência completa online. Faça com que seus clientes tenham vontade de olhar as imagens, e que elas fiquem em suas memórias.

E então, gostou do nosso post de hoje? Quer saber outras informações sobre como usar boas fotos para vender mais imóveis? Entre em contato com a 3603D!

Deixe uma resposta