Por que fotos profissionais são importantes para que sua empresa se destaque?

Tempo de leitura: 18 minutos

Marcar presença no mundo digital deixou de ser um luxo para as empresas. Este é um requisito essencial para se destacar no mercado do século XXI. Porém, aumentar as vendas exige mais do que um endereço na web — é preciso atrair o público-alvo! Mas como fazer isso utilizando um site amador, sem dispor de fotos profissionais e sem o conhecimento para usá-lo de forma estratégica? Realmente, é preciso mudar a situação!

Por isso, se você já entendeu a importância do marketing digital para potencializar o crescimento da empresa e site, mas ainda não sabe como utilizar essas ferramentas, continue esta leitura. Neste post, vamos tratar de um aspecto importantíssimo para quem quer ver seu negócio deslanchar através de soluções digitais — a utilização da imagem.

Então, prepare-se para descobrir uma das principais ferramentas para encantar seus clientes, fortalecer sua marca e garantir resultados expressivos. Preparado?

Fotos profissionais são tudo!

Não foi apenas o mercado que mudou. A vida das pessoas hoje também segue em um ritmo diferente. Com a correria e as muitas atividades que precisam caber em um único dia, a forma como os consumidores procuram as lojas e fornecedores deixou de ser presencial. O que isso significa?

Atualmente, é cada vez mais raro encontrar pessoas que, diante da necessidade de aquisição de um produto ou serviço, dispõem de tempo para ir até um setor comercial e procurar por empresas que ofereçam o que elas precisam.

Esse hábito foi substituído por uma simples e prática busca na internet. Em segundos, o Google coloca diante dos olhos do consumidor centenas (ou até milhares) de fornecedores dispostos a oferecer exatamente o produto que atende às suas necessidades.

Portanto, apesar de estar apenas a um clique de distância de seus clientes, seus concorrentes têm a mesma oportunidade. O mesmo meio que aproxima você de seus objetivos, aproxima também outros possíveis fornecedores. Como se tornar o escolhido?

A questão da cultura visual

“Uma imagem vale mais que mil palavras”. A antiga frase, que pode até soar como um clichê, continua totalmente verdadeira. Uma foto é capaz de chamar a atenção de seu público e garantir vantagens na hora de transmitir uma mensagem.

Isso acontece porque vivemos em um mundo em que a cultura visual predomina, e o nosso próprio cérebro já está programado para captar e guardar na memória as informações transmitidas através de imagens de forma muito mais rápida e eficiente.

A proporção chega a ser impressionante: o processamento da imagem é 60.000 vezes mais rápido que o processamento do texto! Isso mesmo! Nossos sentidos e cérebro têm todo um equipamento para prestar atenção e responder melhor a esse tipo de comunicação.

Portanto, não adianta brigar com a Ciência. Os dados mostram que essa é uma verdade que precisa ser aplicada às estratégias de marketing digital. Entenda:

  • Artigos contendo imagens obtêm 94% mais visualizações do que os que não utilizam esse recurso.
  • É possível aumentar as visualizações em mais de 45% ao incluir uma foto ou um vídeo em uma publicação.
  • 60% dos consumidores estão mais propensos a considerar ou contatar uma empresa quando uma imagem é mostrada nos resultados de busca.

A questão da percepção

Através das imagens, sem ter sequer consciência do processo, o cliente faz toda uma leitura de sua empresa.

Amadorismo ou profissionalismo, cuidado estético ou desleixo, bom ou mau gosto. Todas essas impressões sutis e subjetivas induzem o possível consumidor a fazer um julgamento ainda mais sério: sua empresa tem credibilidade diante dos olhos dele? Esta é a grande questão!

Seu site é a vitrine de sua empresa no universo online. Por isso, ele pode ser um convite para atrair consumidores ou um alerta para que eles a evitem. Este é o principal motivo para torná-lo o mais atrativo possível, considerando os aspectos visuais. E sabe como os concorrentes mais bem-sucedidos fazem isso? Através de fotos!

Observe sua concorrência e as páginas de empreendimentos em geral. Elas não são cheias de textos longos. Pelo contrário, há imagens grandes em suas homepages e através de todo o site.

Mas você já experimentou destacar uma foto de má qualidade? A falta de foco, iluminação inadequada, a distorção por causada pela exibição de arquivos de baixa resolução em tamanho maior produzem um péssimo resultado — evidência de falta de profissionalismo por parte da empresa. Certamente, você não quer correr este risco.

A questão do valor

Se você fosse fabricar panfletos ou flyers para sua empresa, faria isso utilizando um papel comum? Usaria uma impressora de uso doméstico? Se depois de várias impressões, percebesse que uma das cores acabou e deixou os panfletos manchados, eles seriam distribuídos da mesma forma?

Com certeza sua resposta é negativa, e é possível que tenha considerado essas perguntas até mesmo absurdas. Então, os mesmos cuidados com o profissionalismo dos itens de divulgação impressa precisam ser aplicados ao marketing digital.

Independentemente do produto ou serviço que você vende, a qualidade das imagens utilizadas em qualquer ação de marketing é associada à sua marca. Assim, fotos de baixa qualidade transmitem a ideia de que o produto também foi feito com materiais ou ingredientes (no caso de alimentos) de procedência duvidosa.

No entendimento geral das pessoas, um negócio confiável não utiliza recursos de qualidade inferior. Simples assim! Portanto, enquanto fotos profissionais agregam valor à sua marca, opções mais baratas podem ter um alto custo quanto à percepção que os clientes têm sobre o seu produto ou serviço.

Além desta distorção na percepção da marca, a utilização de fotos mal produzidas transmite uma “imagem barata” ao empreendimento. Essa visão da empresa é muito negativa. Mas o que isso quer dizer, exatamente?

Isso significa que quando um consumidor se depara com a oferta de uma “empresa barata”, sua única expectativa é pagar menos, e a pergunta que vai aparecer na mente dele é simplesmente “quanto custa”?

No entanto, se as imagens utilizadas conseguirem comunicar qualidade, você vai agregar valor ao nome de sua empresa. Em vez de receber unicamente os consumidores que querem pagar menos, seu empreendimento vai atrair clientes que valorizam produtos diferenciados e estão dispostos a pagar por eles.

Se esses conceitos parecem não muito claros ou verdadeiros, observe o que as estatísticas dizem:

  • Em sites de e-commerce, 67% dos consumidores afirmam que a qualidade da imagem de um produto é muito importante quando eles estão selecionando e comprando uma mercadoria.
  • Clientes de lojas online consideram a qualidade da imagem de um produto mais importante que a as informações específicas a respeito dele (63%), uma longa descrição (54%) e a avaliação dos consumidores (53%).

Por isso, reservar recursos para contratar um serviço profissional e garantir boas fotos para o seu site está muito longe de ser uma despesa. Trata-se de um investimento que pode alavancar os resultados do seu negócio, fortalecer sua marca e transmitir uma imagem de sucesso e profissionalismo.

A questão do engajamento

Quando se fala de marketing digital, existe uma palavra-chave: engajamento. Esse conceito identifica a capacidade que um conteúdo tem de fazer com que seus leitores interajam com ele de diversas formas.

Essa interação pode acontecer de diversas formas. Os exemplos mais comuns são curtir a página ou o post, compartilhar com amigos, produzir comentários nas redes sociais ou site, seguir os links sugeridos ou fazer download de materiais como e-books.

Mas por que o engajamento é importante? Além de promover a divulgação do seu negócio, já que as pessoas vão compartilhar suas postagens, ele torna sua página mais “interessante” para os mecanismos de busca.

É um verdadeiro ciclo virtuoso: as pessoas veem seu conteúdo, gostam, curtem, compartilham. A partir deste compartilhamento, outros usuários da internet também acessam sua página, curtem e compartilham. E o processo se repete, gerando cada vez mais visualizações.

A partir dessa interação, os mecanismos de busca entendem que seu site ou blog é relevante e começam a colocá-lo cada vez mais no topo dos resultados de busca. Assim, outros visitantes vão clicar em sua página, aumentando a quantidade de visualizações e continuam esse ciclo de engajamento e visibilidade.

Mas o que as imagens têm a ver com esse engajamento? Novamente, vamos aos números!

A maior parte das taxas de engajamento no Facebook, por exemplo, é obtida por imagens. Levantamentos feitos pela OpenView Marketing Lab revelaram que as atualizações de status com recursos visuais como vídeos e fotos causaram um engajamento muito mais forte, com um percentual acima de 180%. Impressionante, não?

Quando os bancos de imagens não são o suficiente

Com certeza, até este ponto você já entendeu a importância da utilização de fotos profissionais em seu site.

A qualidade profissional das imagens precisa fazer parte da estratégia de marketing de um negócio. Através delas, os clientes têm uma percepção melhor do valor dos produtos e serviços que você oferece.

Diante desta situação, você pode pensar: por que não pagar um banco de imagens em vez de um serviço profissional de fotografia? Essa opção pode oferecer o retorno que eu desejo a um custo menor?

A questão do preço é indiscutível. Logicamente, o banco de imagens representa um custo menor. Porém, no que diz respeito aos resultados, há muito a se considerar. Vamos aos pontos-chave dessas opções:

1. Alguns negócios simplesmente não podem utilizar imagens prontas!

Imagine que você precisa comprar um apartamento. Como é uma pessoa normal e completamente atarefada, sua primeira opção é pesquisar imóveis através da internet. Ao entrar no site de uma imobiliária, encontra fotos de apartamentos perfeitos para atender às suas necessidades.

No entanto, quando vai visitar o imóvel, você se depara com uma situação completamente diferente — nada corresponde às imagens que você viu no site! O corretor diz que elas não se referem ao apartamento verdadeiro, mas que foram tiradas de um banco de imagens.

Sim, a situação é totalmente fictícia e obviamente absurda. Porém, é o que alguns empreendedores desejam fazer!

Se o consumidor deseja conhecer seu produto, serviço ou ambiente antecipadamente pela internet, ele não quer ser enganado. Por isso, as fotos precisam mostrar a sua academia, seu restaurante, seu salão de festas, seu imóvel e os seus produtos. Enfim, devem refletir da melhor forma possível o seu negócio.

2. Não é possível se destacar da concorrência utilizando as mesmas imagens!

Lembre-se do que já analisamos aqui: quando o possível consumidor fizer uma busca na internet, vai receber diversas opções. Ele vai escolher a que se destaca, possivelmente pelo apelo visual.

Mas como você vai se destacar dos outros se utilizar as mesmas imagens? Afinal, da mesma forma que sua empresa pode contratar um banco de imagens, seu concorrente pode fazer a mesma coisa!

E exemplos de que isso realmente acontece não faltam! Uma pesquisa rápida sobre os materiais de divulgação de diversas escolas em época de matrículas, inclusive em outdoors, mostra com muita frequência exatamente a mesma turma de adolescentes com cara de High School americano!

Portanto, quem entendeu a importância de usar fotos profissionais e cuidar do aspecto visual para sair em vantagem na disputa pelo cliente, dificilmente se adequará à proposta de um banco de imagens.

3. As pessoas estão se tornando resistentes a fakes!

Por mais que alguns modelos sejam ótimos atores, eles jamais conseguirão expressar as reais emoções que uma pessoa ou mesmo um de seus consumidores em situações reais.

A foto daquela turma animada que fez a confraternização no seu restaurante, do olhar do pai ao levar a filha ao altar no casamento realizado em seu salão de festas, a fisionomia da surpresa das crianças diante de uma atração do seu buffet infantil, o encantamento da menina diante do espelho ao provar uma fantasia de princesa — nenhuma dessas emoções será retratada da mesma forma por atores e modelos contratados para fazer pose para um banco de imagens.

E o que o seu público quer ver? É a realidade! Eles se identificam com as sensações desses anônimos e querem ter o mesmo tipo de experiência. Para isso, vão precisar procurar o seu negócio.

Os clientes já não querem e nem acreditam em imagens meramente ilustrativas, em fakes que evidenciam a artificialidade e uma certa frieza.

Portanto, a menos que você ofereça a eles uma degustação da excelência dos seus produtos e serviços através de fotos profissionais, dificilmente conseguirá o engajamento que deseja.

Dicas para contratar empresas de fotografia

E como a imagem é fundamental para causar uma boa impressão, a contratação de uma empresa de fotografia deve levar em conta todos os cuidados necessários ao realizar um investimento.

Profissionalismo e qualidade não podem ser considerados diferenciais, e sim requisitos básicos para a definição do prestador deste serviço.

Então, nada melhor do que analisar alguns critérios importantes na hora de selecionar o serviço de fotografia. Assim, você obtém as imagens apropriadas para apostar em um bom marketing digital. Vamos lá?

1. Procure especialistas em fotografia corporativa

Cada área da fotografia tem suas especialidades. Portanto, enquanto um profissional que atua em casamentos procura um determinado enfoque, um fotógrafo corporativo sabe o que destacar para chamar a atenção dos clientes.

E isso não se baseia apenas na arte fotográfica. Existem estudos que mostram que tipos de imagens provocam maior engajamento do cliente, especificamente, e um bom profissional conhece esses detalhes e sabe como evidenciá-los.

Além disso, mesmo na área da fotografia corporativa, existem subdivisões específicas, e cada uma delas é apropriada para um tipo de negócio:

  • Fotografia de arquitetura e ambientes: muito indicada para hotéis, restaurantes, salões de festa, e outros negócios relacionados. Explora a imagem da empresa no que diz respeito à sua fachada e ambientes internos.
  • O profissional especializado vai, inclusive, orientar o empresário quanto a melhor hora do dia para fotografar e aproveitar a luz natural, como o ambiente deve estar organizado, disposição de móveis e objetos, entre outros fatores.
  • Fotografia de produtos ou still: são as fotos de objetos inanimados, produtos e embalagens. Indicada para quem quer vender produtos através da internet. É realizada em estúdio e exige muitos cuidados com a iluminação para evitar sombras e reflexos que prejudiquem a visualização da mercadoria.
  • Fotografia jornalística: faz a cobertura de eventos, inaugurações, lançamentos, desfiles ou outras ações promocionais. As fotos podem ser utilizadas também para o marketing da empresa.
  • Este profissional é especializado na captura de cenas em movimento, que ocorrem em locais com grande aglomeração de pessoas.

Existem outras áreas, como a fotografia de moda, a institucional, industrial, de fachada e fotos aéreas. Orientá-lo quanto a melhor opção para atender suas expectativas e garantir que os objetivos do projeto sejam alcançados é o papel do profissional.

2. Avalie o portfólio

Um trabalho fotográfico exige mais do que conhecimento técnico. Por incluir um componente artístico, é importante conhecer o estilo desenvolvido pelo profissional que você pretende contratar.

Por isso, é imprescindível conhecer amostras do trabalho realizado pelo fotógrafo ou pela empresa, seja antes ou depois do contato inicial. Desta forma, é possível avaliar se existe uma identificação entre a proposta do profissional e as suas expectativas para a realização do projeto.

3. Preze pela qualidade técnica

Antes da contratação, tenha uma boa conversa com o fotógrafo. Pergunte sobre os equipamentos que ele vai utilizar, que recomendações devem ser levadas em consideração antes da sessão de fotos, de quanto tempo ele precisa para realizá-la e também para montar o seu aparato.

Fique atento quando o profissional acha tudo muito simples. Fotografia é uma arte que exige conhecimento dos melhores ângulos, da melhor forma de aproveitar a luz e, muitas vezes, de alterar essas condições para ressaltar os aspectos positivos do ambiente.

Procure se informar e, se necessário, busque referências para evitar surpresas desagradáveis.

4. Exija selos de certificação por instituições reconhecidas

O trabalho de um fotógrafo ou empresa especializada na área ganha um diferencial quando é certificado por determinadas associações ou empresas. Essa certificação garante que o profissional adquiriu conhecimento técnico e pauta seu trabalho de acordo com algumas normas.

Esta exigência, embora não muito comum, garante qualidade e inovação para o projeto. Conheça algumas dessas certificações:

Selos do IVRPA

Logo do IVRPA

O selo do International Virtual Reality Photograph Association (IVRPA) garante que a empresa trabalha em associação com esta organização, que ajuda a desenvolver e apoiar o uso artístico e profissional de imagens 360° baseadas em realidade virtual e tecnologias relacionadas.

Ela fornece apoio técnico e conhecimentos aos seus membros, e por isso um profissional associado tem acesso ao que há de mais inovador nesta área, garantindo um trabalho de qualidade.

Selo de Confiança do Google para o serviço Street View Trusted

Logotipo de Agência de Confiança para o Street View Trusted

Este selo atesta que a empresa foi certificada pelo Google para utilizar a tecnologia Street View. Com ela, é possível criar tours virtuais 360° de altíssima qualidade e integrados a outros serviços Google.

Já pensou em fazer um tour virtual?

Porém, mesmo com uma equipe qualificada e equipamentos modernos, é possível que nem todo o potencial de seu negócio seja captado através das lentes fotográficas.

No entanto, já existem recursos para garantir ao visitante do seu site aquela sensação de imersão total no ambiente — a solução pode ser um tour virtual de alta qualidade.

Através deste serviço, os visitantes do site podem experimentar a sensação de estar em seu estabelecimento mesmo que nunca tenham pisado lá. Esta é uma forma de fazer os clientes em potencial se sentirem mais seguros em relação ao local ou serviço que desejam contratar.

Estudos realizados para avaliar o impacto de tours virtuais no aumento do interesse dos consumidores mostraram que eles são capazes de gerar o dobro do interesse em possíveis clientes.

Um tour virtual do Street View Trusted é uma nova forma de aplicar esta tecnologia para impulsionar os negócios. Ela permite que seus potenciais clientes visitem virtualmente seu negócio.

Através de imagens de alta definição e 360°, eles podem caminhar pela sua empresa, conhecendo cada detalhe e obtendo uma experiência imersiva impressionante. Além disso, a tecnologia permite visualização perfeita em computadores, smartphones, tablets e telas multi touch.

E quando se fala em Google, obviamente tratamos de serviços interconectados. Por isso, ao fazer uma busca na página principal da empresa, no Google Maps ou Google+, sempre que seu negócio for listado nos resultados haverá um link direto para o tour virtual.

Entre as muitas opções, é possível inserir o tour virtual em seu site, página do Facebook, outras redes sociais e até mesmo convidar diretamente seus amigos e clientes através de e-mail marketing. Com uma visita tão inusitada e interessante, a possibilidade de captação de clientes aumenta de forma expressiva.

Ficou interessado? Quer ver a diferença incrível entre fotos profissionais convencionais e um tour virtual? Quer entender melhor o impacto que ele pode representar para o crescimento de sua empresa? Então não perca tempo! Entre em contato com a 3603D para conhecer melhor essa possibilidade de aumentar a visibilidade do seu negócio e potencializar seu sucesso!

Deixe uma resposta